TAPETE AZUL

Um quarto sombrio

A solidão de companhia

Um tapete azul

Espera por alegria.

 

O tapete ali estendido

Tão só naquele chão

Até que alguém apareça

Para alegrar um coração.

 

…Uma noite serena,

Brilho pra todo lado

Alguém pisou o tapete

Uma festa esperada.

 

Por toda aquela luz

O tapete previa

Algo forte ia acontecer

Um corpo por ele se estendia.

 

A felicidade entrou pela porta

Naquele quarto apertado.

Em cima de um tapete azul

Duas almas entrelaçadas.

 

31/08/2010

ELZI SENRA

CRIANÇA E BRINQUEDO

Uma grande alegria

Brinquedo e criança

Um encontro de emoção

Marcado de esperança.

 

…Muito tempo ali guardado,

Marcado para acontecer,

O brinquedo esperava

Uma criança para espairecer.

 

Outra criança não podia  brincar

Pois seu dono ia chegar

Não sabia quando

Mas esperava para encontrar.

 

Empoeirado ali no escuro

Anos ali parado

Esperava seu amiguinho

Para ficar do seu lado.

 

Amiguinho não chegava

E brinquedo… O que fazer?

Ele queria uma criança

Para também viver.

 

Mas agora o brinquedo sabe

Que vai ter companhia

Não vai mais ficar sozinho

E grande será a alegria.

 

 

Brinquedo precisa de criança.

Guardei os brinquedos do meu neto dentro de uma caixa

E de vez em quando dou uma olhada, mas acho q eles estão tristes, pois não tem criança pra brincar.

 

O GATO E O PETISCO

O GATO E O PETISCO

 

Um bichano muito sapeca

Resolveu dar de caçador.

Subiu em uma árvore

Em busca de um grande sabor.

 

Cada espaço que alcançava

Já sentia o sabor da caça.

Subia cada vez mais 

Mostrando sua grande raça.

 

…O petisco ali pousado,

Sentia logo o perigo.

Algo estranho se aproximava

Invadindo aquele abrigo.

 

Fugiu bem rápido

Quando o gato o atacou.

O gato com muita sede

Num galho se enrolou.

 

O galho salvou a presa

E prendeu o caçador

Que para descer da árvore

Precisou de um anjo salvador.

 

30/08/2010

ELZI SENRA

O GATO DA EX VIZINHA GOSTAVA DE CORRER ATRÁS DOS PASSARINHOS DA MANGUEIRA…. FICOU PRESO LÁ EM CIMA E A VIZINHA TEVE Q SUBIR LÁ PRA TIRÁ-LO , MAS NUNCA MAIS QUIS SABER DE CAÇA RSRSRS

OUTRO TIPO DE ANJO

 

 

Apareceu outro tipo de anjo

Não sei se é bom ou se é ruim

Em um momento de tristeza

Apareceu pra cuidar de mim.

 

O anjo oferece seu amor

Quer dar todo seu afeto

Quer ficar sempre juntinho

Abraçadinho sempre perto.

 

É gostoso ficar juntinho

Desse anjo sedutor

Parece um tipo bom

Oferece muito amor.

 

Não mostrou quebra de asas

O anjo do amor e alegria.

Muito carinho e dedicação

O anjo tem pra todo dia.

 

Felicidade é uma incógnita

Sempre escondida no ar.

Vamos curtir os momentos

Até o amor se concretizar.

 

28/08/2010

ELZI SENRA

PRESENTE ESQUISITO

 

Não é um presente de grego

É de um amigo da onça.

… A onça muito gulosa

Dando dentada num osso

Soltou o dente da boca

Caindo à beira do poço.

 

O amigo da onça passando…

Nossa!  Achou um dente

Levou o dente pro seu lar.

Numa festa encontrou o amigo

Que prometera o presentear.

 

O dente foi doado

Para o amigo irmão

Mas foi tão recomendado

Por ter muita afeição.

 

O dente era estimado

Por ser da sua amiga onça

E muitos anos de companhia.

E o amigo cuidasse bem

Que nenhum preço o pagaria.

 

O amigo guardou o presente

Com muito carinho e afeição

Um dente muito estimado

De um amigo do coração.

 

16/08/2010

A LÁGRIMA

 
LÁGRIMA

Lágrima que fecha os olhos
Para não conseguir enxergar.
Lágrima que esconde um rosto
Que escolhe a tristeza para ficar.

Lágrima descontrolada
Que desce sem se conter.
Lágrima que chega ao chão
À procura de um viver.

Lágrima emocionante
Sai do fundo do coração
Lágrima que chega pesada
Precisando de uma mão.

Lágrima que rola no rosto
Cheia de sofrimento e dor
Lágrima que será enxuta
Por muito carinho e amor.

Lágrima procure seu rumo
Está na hora de partir.
Chegou à vez da alegria…
Lágrima só de sorrir.

24/08/2010
ELZI SENRA

Um ninho de amor

 

Aparece no firmamento

Um lindo ninho de amor.

As nuvens entrelaçam…

Uma grande luz irradia

Para uma grande festa.

 

È um ninho de nuvens

Em formato do amor.

É o presente do céu

Para o sol não ficar só.

 

Todos no céu ajudam

O sol a ficar mais brando.

Um macio ninho de amor

Para acabar o seu encanto.

 

Mas o sol não é irredutível

Sozinho não é bom viver

O coração ganha força

E novamente volta a bater.

 

21/08/2010

 

ELZI SENRA